Compatilhar

Estratégias para atrair clientes: como aumentar sua receita em menos de 1 mês

Estratégias para atrair clientes: como aumentar sua receita em menos de 1 mês
Renato Ferreira

Sócio na Insight Sales

Escalar é a palavra do momento no meio empresarial. É comum empresas montarem estratégias para atrair clientes pensando apenas em escalabilidade. Por essa palavra, estamos falando de processos que podem ser documentos replicados e executados por várias pessoas diferentes.

É fácil entender porque toda empresa e gestor comercial tende a focar em estratégias e processos escaláveis. Não existe melhor e mais rápido caminho para crescer do que trabalhar com processos que podem ser facilmente aprendidos e copiados. Porém, existe uma desvantagem muito forte nesta abordagem e a resposta é bem curta: montar um processo e estratégia para atrair clientes escaláveis demora e depende de muita validação.

É muito difícil, para não dizer impossível, que um gestor comercial ou empreendedor consiga implementar com sucesso na primeira tentativa um processo escalável e replicável. Normalmente, são necessários vários testes para atingir o modelo ideal.

Qual seria então o melhor caminho para crescer enquanto não valido meus processos? Simples. Use e abuse de estratégias para atrair clientes não replicáveis. Isso mesmo que você leu! É possível crescer muito sem ter os melhores e mais escaláveis processos, desde que exista um passo a passo claro a ser seguido. Vamos nos aprofundar?

Estratégias para atrair clientes - é o tempo que mata negócios

Estratégias para atrair clientes

No mundo em que vivemos praticamente tudo gira em torno do tempo. Para dificultar ainda mais a nossa vida, não temos o menor controle sobre ele. Já trouxemos em outros artigos estatísticas bem assustadoras. A cada 10 empresas que são abertas no Brasil, 6 fecham em até cinco anos de atividade, segundo o IBGE.

Essa estatística infelizmente é a realidade para mais da metade das empresas fundadas no Brasil. Se levarmos em conta as condições da nossa economia, são vários os fatores que contribuem para esses números. Logo, é muito importante vender com qualidade, contratar bons vendedores, acompanhar os indicadores corretos e sempre se atualizar.

Agora, se formos trabalhar mais hipóteses baseadas nesta estatística, podemos facilmente inferir que não basta seguirmos essas dicas para crescer e sobreviver. É preciso ir um pouco além, ser criativo. Por isso, mostraremos ao longo do artigo algumas estratégias para atrair clientes não escaláveis que podem ajudá-lo a passar por qualquer dificuldade com dinheiro no bolso.

Estratégia 1 - Tenha um programa de indicação

Marketing de afiliados é uma estratégia bem conhecida por quem trabalhou com infoprodutos. São basicamente pessoas que vendem o seu produto/serviço e ganham uma comissão a partir do fechamento.

Para produtos focados no público B2C (Empresa para Consumidor) essa estratégia tende a funcionar muito bem. Entretanto, como fazer isso para o segmento B2B? Não é preciso reinventar a roda. Primeiramente tente utilizar os seus clientes como canais de aquisição. Um exemplo: ofereça condições especiais onde eles ganham descontos progressivos por número de clientes que indicarem.

Ao mesmo tempo, remunere os seus parceiros e amigos que indicarem o seu negócio e lembre-se que nem toda remuneração precisa ser necessariamente financeira. Ela pode vir em cursos, viagens, treinamentos, enfim, o universo de possibilidades é imenso.

Outro benefício de trabalhar com indicações é o CAC (custo de aquisição) muito baixo. Quem não gostaria de fechar mais clientes com um investimento menor? Pois é. Pense bem nesta estratégia para atrair clientes. Apesar de ser difícil de escalar, pode gerar excelentes resultados no curto prazo.

Estratégia 2 - Ative a sua rede pessoal

networking

Se existe uma coisa que o brasileiro gosta de fazer, ela se chama networking. Seja em eventos, bares, restaurantes, churrascos, gostamos bastante de expandir as nossas redes pessoais. Muitas pessoas, entretanto, tendem a subestimar o poder que o networking pode ter em vendas.

Com uma rede engajada e que confia em sua palavra, vender fica ainda mais fácil. Todas essas pessoas estarão dispostas a escutar sua oferta, e, consequentemente, comprar o seu produto/serviço.

Apesar de ser uma estratégia para atrair clientes não escalável, com certeza é uma que abre várias portas e remunera muito bem, independentemente de ser no curto, médio e longo prazo.

Portanto, nunca abra mão de cultivar um bom networking. Ele é capaz de manter o seu negócio em pé nos momentos mais difíceis.

Estratégia 3 - Produza MUITO conteúdo

Não é segredo para ninguém que as redes sociais e o Google ganham dinheiro com anúncios. Grande parte dos bilionários faturamentos destas empresas são gerados por publicidade, então é natural imaginar que elas tendem a reduzir o alcance orgânico de publicações. Sejam textos de blog no Google, publicações no LinkedIn e Facebook, é preciso muito esforço para se posicionar bem.

Porém, grande parte das empresas não possui tempo e recursos para investir muito em conteúdo, e não podem esperar o resultado a longo prazo chegar. Os números precisam ser atingidos sempre "para ontem". Como então tornar o conteúdo seu aliado nesse cenário? Simples, produza MUITO conteúdo de qualidade, pelo menos durante um período de tempo.

Pense da seguinte forma. Você prefere comprar de um especialista ou de um leigo? Imagino que 10 entre 10 pessoas escolheriam o especialista e por um motivo um tanto quanto óbvio. Quando você precisa resolver um problema, é melhor apostar as suas fichas em quem já sabe bem os melhores passos a serem seguidos do que em outras empresas/pessoas menos experientes. 

E as redes sociais tendem a beneficiar quem posta mais conteúdo considerado relevante. Logo, ao postar vários conteúdos de qualidade em alta frequência, a tendência de ser visto é muito maior.

Com um alcance maior e com mais pessoas visualizando o seu trabalho, a tendência é vender mais. Mas lembre-se: publicar muito conteúdo de baixa qualidade pode ter o efeito contrário.

Estratégia 4 - Realize Outbound, mesmo que o seu produto não tenha muito aderência com essa estratégia

Estratégias para atrair clientes nem sempre soam intuitivas e seguem as melhores práticas do manual. Como falamos em nosso artigo sobre estruturar um funil de vendas para Outbound e para Inbound, cada um desses processos possui as suas particularidades. 

Enquanto Outbound tem bastante aderência para vendas de ticket médio mais elevado e complexas, Inbound é excelente para ofertas mais simples e com ticket médio menor. Porém, quem já trabalhou com Inbound sabe que os resultados dificilmente chegam no curto prazo.

É preciso investir bastante tempo e esforço para melhorar o SEO, otimizar as páginas para conversão, engajar a base de leads, dentre vários outros pontos, e fazer tudo isso acontecer demora. Quem possui produtos com ticket médio menores, não pode se dar ao luxo de esperar isso acontecer. Como então crescer, enquanto o lead de Inbound não chega?

Existem várias estratégias para atrair clientes que podem ser utilizadas. A empresa pode investir em mídia paga para captar mais leads, por exemplo. Porém, caso essa estratégia não gere o retorno ideal, o melhor a se fazer é estruturar um processo de Outbound, pelo menos provisoriamente.

Com ele, é possível gerar leads de forma manual, para então começar a prospectá-los de forma manual. Caso não saiba como gerar leads, criamos um manual bem objetivo sobre esse trabalho.

Além de ajudá-lo a gerar receita no curto prazo, o processo de Outbound lhe dará vários feedbacks sobre a forma como o mercado está enxergando a sua proposta de valor e solução.

Portanto, pelo menos no curto prazo, não abra mão do Outbound. Ele pode ser o diferencial entre um comercial que performa bem e um que não ajuda a empresa a sobreviver.

Estratégia 5 - Atenda todos os seus clientes de forma extremamente personalizada

Todo mundo gosta de ser bem atendido, disso não temos dúvida. Um bom atendimento, para quem não sabe, pode ser inclusive uma das melhores estratégias para atrair clientes  que existe e vou explicar o por quê.

Imagine a seguinte situação. Você possui um cartão de crédito no banco X e ele foi clonado. Você tenta entrar em contato com a central de atendimento para resolver a pendência, mas é sempre repassado para outro setor. Quando você percebe, já gastou mais de 5 horas do seu dia e não teve o problema resolvido.

Estressante, né? Depois de muita frustração e luta, o problema se resolveu. Passado um tempo, um grande amigo te falou sobre uma nova empresa de cartão de crédito onde ele consegue resolver todos os problemas de forma rápida e online.

Ele também teve o cartão clonado, tal qual você, porém resolveu o problema em menos de 5 minutos. Sem ao menos precisar te indicar essa empresa, você já se interessou por conhecê-la, não é mesmo? Esse é o efeito de um atendimento eficiente e extremamente personalizado.

É claro que manter esse nível de contato depois de crescer muito e ter uma grande massa de clientes é algo praticamente impossível. Porém, enquanto a base de clientes ainda não é grande, é essencial personalizar o atendimento sempre que possível. Manter os clientes sempre satisfeitos é uma ótima estratégia para atrair ainda mais!

Não siga manuais, foque na sua realidade

Nesse artigo citei apenas 5 estratégias para atrair clientes não escaláveis, porém existem várias outras que podem ajudar o seu negócio a ir ainda mais longe. Sempre que notar alguém vendendo a ideia de que apenas estratégias escaláveis devem ser usadas, lembre-se que cada negócio vive uma realidade distinta. É preciso ter atenção às particularidades da sua empresa e mercado antes de escolher o melhor caminho para crescer.

E você? Tem utilizado alguma estratégia não escalável para crescer? Compartilhe em nossos comentários o que você tem feito. Tenho certeza que vai agregar bastante para o ecossistema de vendas!

Compatilhar
distribuído por

Guia Gratuito Indicadores Comerciais

Baixe agora

Artigos relacionados: